CIDADES
INTERNACIONAL
quarta-feira, 23 de novembro de 2022
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Morto em Goiás, jovem de Coxim colecionava desafetos por conta de negócios mal sucedidos



 Morto em suposto acerto de contas em uma fazenda de Aragarças, região de Goias, o morador de MS, Breno Rezende Tavares, de 26 anos, colecionava desafetos, tanto em Coxim quanto em cidades de outros estados, por conta de negócios mal sucedidos.

Conforme apurado pelo site Giro da Notícia, antes de arrendar a fazenda onde foi morto em Goiás, ele morava em Coxim. O rapaz se intitulava como investidor da bolsa de valores e pegava dinheiro de terceiros com a promessa de renda mensal.Para alguns, ele chegou a repassar o valor combinado mensalmente por determinado período, outros não receberam nada.

Ainda segundo o site, a situação virou uma bola de neve e o jovem acabou deixando o estado sul-mato-grossense. Somente as vítimas de MS calculavam prejuízo de R$ 1 milhão. O caso chegou a ser registrado, por parte dos lesados, na delegacia de Coxim.

Crime

Breno teria sido morto por um funcionário, após possíveis desavenças comerciais. A vítima foi encontrada com sinais de balas de arma de fogo. Sobre o corpo da vítima estavam as chaves do carro do suspeito, que acabou fugindo com o carro do patrão, no entanto, abandonou próximo à cidade de Torixoréu.

As polícias de Goiás e Mato Grosso estão atuando nas buscas.

Breno já estava em Aragarças há alguns meses, onde arrendou a propriedade rural próximo ao trevo do anel viário, a cerca de 10 km do centro da cidade, onde pretendia explorar o plantio de soja.

A vítima já tinha arrendado máquinas e um veículo para a exploração da lavoura.

Topmidianews

quarta-feira, 23 de novembro de 2022

OK NET RIO VERDE

http://oknetms.com.br/

SUPERMERCADO BOM PREÇO

https://picasion.com/

RESTAURANTE IZABEL

http://picasion.com/

RioverdeRV