->
CIDADES
INTERNACIONAL
quinta-feira, 27 de junho de 2019
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Professora acusada de abusar de 9 crianças em creche segue presa

Prefeitura de Rio Verde dará assistência às vítimas

Fonte: G1 MS

Repercute em todo o estado e em sites de notícias do Brasil o caso da professora de uma crecheRio Verde que teria abusado sexualmente de 9 crianças. Ela foi presa pela Polícia Civil e está à disposição da justiça que decretou Segredo de Justiça neste processo. Todos sabem o nome da acusada no município, mas por se tratar de uma determinação judicial a imprensa não pode descumprir a ordem do juiz da comarca. A municipalidade de Rio Verde não tem vínculo com a entidade - a não ser fornecer ajuda de custo - mas colocará profissionais da área de psicologia à disposição das possíveis vítimas e dos familiares.
ASSUNTO VIRALIZOU NO ESTADO - O assunto ainda é nebuloso e todos os seus desdobramentos sendo tratados com muito cuidado para não haver linchamentos públicos, destacou Lino Santana, Assessor de Comunicação do prefeito Mário Kruger. Segundo ele é necessário uma detalhada investigação policial para que verdade venha à tona. A princípio os professores não trabalham sozinhos e esta acusação de abuso sexual precisa ser muito bem fundamentada pela comoção social criada no município. 
MÉDICO CONFIRMA MANIPULAÇÃO - A família de uma das crianças registrou Boletim de Ocorrência na Polícia Civil e encaminhou a menina para exames médicos no IMOL (Instituto de Medicina e Odontologia Legal).  Segundo notícias já postadas no estado o médico legista  confirmou a “manipulação” no órgão genital.  Os nomes de outras 7 crianças que também, teriam sido abusadas foi relatado pela vítima aos pais e entregue ao delegado de Rio Verde.  
7 EXAMES DE CORPO E DELITO - Segundo o assessor de comunicação da prefeitura de Rio Verde o prefeito Mário Kruger colocou todo a estrutura médica e assistencial à disposição das vítimas, familiares e acompanha o caso de perto. A professora segue presa preventivamente. A Polícia Civil não detalha a investigação, mas confirma que 9 crianças entre meninos e meninas denunciaram a mulher e já passaram por exames para verificar se houve abuso.   
VITIMA RELATA NOME DE COLEGUINHAS - O pai da criança, que pediu para não ser identificado, conta que a esposa percebeu que algo havia acontecido ao dar banho na menina: "Numa quarta-feira, há duas semanas minha filha voltou da creche e quando a esposa foi dar banho nela, verificou que a região íntima estava avermelhada e reclamava de dor na barriga. Ela me chamou e tentamos conversar com a neném, perguntamos o que aconteceu, ela ficou calada.” 
POLÍCIA E CONSELHO TUTELAR - “No outro dia a gente soube através de uma pessoa do conselho tutelar que outra mãe havia procurado por eles contando que a filha estava com os mesmos sintomas e quando conversaram com a criança, ela citou o nome da minha filha dizendo que tinha acontecido a mesma coisa." O homem conta que por coincidência, as mães são próximas, então ele e a esposa voltaram a procurar o Conselho Tutelar para a menina passar por um psicólogo. Na consulta com o profissional ela novamente ficou calada. 
APOIO PSICOLÓGICO E SOCIAL - Segundo este pai, com a gravação em mãos, Polícia Civil e Conselho Tutelar entrevistaram as outras 7 crianças, além de uma oitava vítima. Segundo a secretária de Educação de Rio Verde, Ana Andrade, a prefeitura tem convênio com a instituição que administra a creche. Ela informa que foi comunicada do abuso na semana retrasada pela diretora da instituição. Se limitou em confirmar que a prefeitura disponibilizou acompanhamento psicológico para as 9 crianças que teriam sido abusadas pela professora.
quinta-feira, 27 de junho de 2019

LOJA QUEIMA TOTAL


http://picasion.com/

MERCEARIA NOVA CANAÃ

http://www.rioverdems.com/

RioverdeRV

twitter @rioverderv

BARRACA DO PINHEIRO



http://picasion.com/

MERCEARIA TUNTUN

http://picasion.com/