->
CIDADES
INTERNACIONAL
segunda-feira, 11 de dezembro de 2017
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Idoso é internado para fazer hemodiálise, cai da maca e morre


O idoso José Fernandes Neto, 70 anos, morreu na tarde deste domingo (10), após cair de uma maca no hospital regional. Segundo denúncia da família, ele veio de Camapuã com suspeita de enfarto, quando foi diagnosticado então com pneumonia e precisaria também de passar por hemodiálise. O caso aconteceu no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, na Capital.
“Ele chegou bem, sorrindo, se queixando de dores e fomos avisados que ele teria q se submeter a uma sessão de hemodiálise”, conta a filha Susy Fernandes, que acompanhou de perto a internação do pai desde a última terça-feira (5).
Segundo ela, na quarta-feira (6), quando a mãe chegou ao hospital para visitar o idoso, foi informada que ele teria sido submetido a uma cirurgia na cabeça. “Daí começaram as desculpas até que falaram que ele caiu e não explicaram mais nada, apenas que ele tinha feito uma cirurgia de emergência e nem fomos avisados”.
O quadro do idoso piorou e ele entrou em coma. “Ele foi para a UTI e entrou em coma, perguntávamos o que era, e ficamos sem resposta. E o estado dele se agravando”. As fotos mostram José Fernandes Neto antes de ir para o HRMS, ainda no hospital em Camapuã e depois já com os curativos da cirurgia.
Quando foi neste domingo, a família foi avisada sobre um possível quadro de morte cerebral. “Os órgãos estavam funcionando, mas ele teve morte cerebral, e realizariam testes, foi quando avisaram que ele tinha falecido”, contou Suzy.
Um dos filhos do aposentado procurou a polícia e fez boletim de ocorrência que foi lavrado como “morte a esclarecer”. A família agora quer ter acesso ao prontuário do paciente para tomar medidas judiciais caso tenha ocorrido algum tipo de erro durante o atendimento ao idoso.
“Ele não foi internado para fazer uma cirurgia da cabeça e sim para fazer hemodiálise. Entrou vivo e sorridente e agora levamos o corpo dele para casa”, lamenta a filha. 
Outro lado
A reportagem enviou e-mail para a Assessoria de imprensa do Governo do Estado e da Secretaria Estadual de Saúde, mantenedora do Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, porém não foi enviado posicionamento sobre o caso até o fechamento desta matéria.
O caso será investigado pela Polícia Civil. 
Topmidianews
segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

LOJA QUEIMA TOTAL


http://picasion.com/

MERCEARIA NOVA CANAÃ

http://www.rioverdems.com/

RioverdeRV

twitter @rioverderv

LOJA TÔ NA MODA

http://picasion.com/

BARRACA DO PINHEIRO



http://picasion.com/

MERCEARIA TUNTUN

http://picasion.com/