->
CIDADES
INTERNACIONAL
segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Sentença inocenta Mário Kruger no processo de compra de votos.

TRE julga improcedente denúncia de suposta compra de votos e abuso de poder econômico, contra o Prefeito Mário Kruger e extingue o processo.


Nesta segunda-feira-feira (20/02/2017), o Tribunal Regional Eleitoral–TER- MS, julgou improcedente o recurso interposto pela Coligação Amor Trabalho e Fé, objetivando reformar a sentença de fls. 189/198 proferida pelo juízo da 21ª Zona Eleitoral de Rio Verde de Mato Grosso/MS, que julgou improcedente pedido contido na ação de investigação judicial ajuizada contra o candidato eleito nas urnas, Mário Alberto Kruger, por suposto abuso de poder econômico e suposta captação ilícita nas eleições de 2016.
A ação foi provida pela COLIGAÇÃO AMOR, TRABALHO E FÉ (PMDB/PR/PDT/PSB/DEM/PTC/PSD), do candidato derrotado nas urnas, José de Oliveira Santos, o Zé Mijão, onde alegava que o candidato a reeleição ao cargo de prefeito Municipal, utilizou de meios ilícitos para captar votos mediante a dádiva de materiais de construção.
A Procuradoria Regional Eleitoral, apresentou parecer às fls 260/262, opinou pela extinção do feito pela decadência do direito de representação e no mérito, pelo reconhecimento e desprovimento de recurso.
Eis o relatório do desembargador relator do processo, Juiz Abraão Razuk, que diz:
¨Decido monocraticamente, com fulcro no art. 76,caput, da resolução TER/MS Nº 170/1997 (RITRE/MS) que autoria ao relator NEGAR seguimento “a pedido ou recurso intespentivo, manifestamente inadmissível, improcedente, prejudicado ou em confronto com jurisprudência dominante do Tribunal, com súmula ou jurisprudência do SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL ou TRIBUNAL SUPERIOR”. ( Redação dada pela Resolução TER/MS Nº 228,26. 11.201).
A preliminar de decadência suscitada pela douta Procuradoria Regional Eleitoral deve se acolhida.
Em razão da indivisibilidade das chapas majoritárias, a teor do art. 91 do Código Eleitoral, as decisões que ensejam a perda do mandato eletivo abrangem a esfera de direitos de ambos os integrantes da chapa”.
Assim, o Relator Juiz,  Abrão Razuk, negou a procedência da representação eleitoral e extinguiu o processo, que será arquivado.
Ante o exposto, com suporte no art.76. caput. do RITRE/MS, nego seguimento ao presente recurso e, em consonância com o parecer ministerial, acolho a preliminar suscitada, para, reconhecendo a decadência do direito de promover a citação do litisconsorte passivo necessário, extinguir o presente, com resolução de mérito, a teor do art. 487, inciso II, do NCPC.




segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

SUPERMERCADO PANTANAL

http://picasion.com/

RioverdeRV

LOJA QUEIMA TOTAL


http://picasion.com/

BARRACA DO PINHEIRO



http://picasion.com/

SUPERMERCADO PONTO CERTO

http://picasion.com/

MERCEARIA NOVA CANAÃ

http://www.rioverdems.com/

LOJA TÔ NA MODA

http://picasion.com/

MERCEARIA TUNTUN

http://picasion.com/