CIDADES
INTERNACIONAL
terça-feira, 16 de agosto de 2022
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Incêndio que matou idosa de 72 anos pode ter sido causado por bituca de cigarro

 

Incêndio que matou idosa de 72 anos pode ter sido causado por bituca de cigarro
Casa foi destruída pelas chamas - Foto: Ranziel Oliveira/Midiamax

Uma bituca de cigarro pode ter sido a causa do incêndio que vitimou na tarde desta segunda-feira (15) Clarice Maria Trindade, de 72 anos. A idosa estava em casa na Rua Pedro Gomes, na Vila São Jorge da Lagoa, quando a residência foi tomada pelas chamas e ficou totalmente destruída.

Segundo o delegado Camilo Kettenhuber, titular da 6ª Delegacia de Polícia Civil, familiares relataram que Clarice era alcoólatra e também fumava. Antes do incêndio, já teria ocorrido um incidente por causa das bitucas, já que ela não fumava o cigarro todo e logo jogava no chão.

Por isso, a suspeita inicial é de que o incêndio tenha sido causado por uma bituca de cigarro acesa. O corpo de Clarice foi encontrado no primeiro cômodo da casa e, segundo o delegado, aparentemente estaria em cima de uma cama. Com as chamas, o móvel foi totalmente destruído.

Vizinhos tentaram salvar idosa de incêndio

Idosa morreu no incêndio
Bombeiros estão no local - Foto: Ranziel Oliveira/Midiamax

“Todo mundo viu o corpo dela pegando fogo e a gente não conseguiu fazer nada”, foi o relato de um homem de 28 anos, que viu a vizinha morrer no incêndio. Conforme o vizinho, ele ouviu os gritos na rua e saiu para ver o que acontecia. Foi quando percebeu o incêndio na casa da idosa e correu para ajudar, com baldes de água e também uma mangueira.

Segundo ele, o fogo teria começado no sofá da sala e se alastrou em questão de segundos. “A gente viu ela morrer queimada”, lamentou o vizinho. Ele ainda contou que a idosa já estaria inconsciente quando as testemunhas conseguiram entrar, para tentar ajudar a apagar o incêndio.

Em poucos momentos, as chamas tomaram conta da residência. Parte do teto cedeu com o fogo e as equipes do Corpo de Bombeiros utilizaram dois mil litros de água para controlarem as chamas.

A idosa era conhecida no bairro como ‘Maria benzedeira’, segundo relato de testemunhas.

Midiamaxnews

terça-feira, 16 de agosto de 2022

OK NET RIO VERDE

http://oknetms.com.br/

SUPERMERCADO BOM PREÇO

https://picasion.com/

RESTAURANTE IZABEL

http://picasion.com/

RioverdeRV