CIDADES
INTERNACIONAL
segunda-feira, 13 de junho de 2022
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Rio Verde-MS: Casal transforma paixão por plantas em produto turístico em Corguinho-MS

 


O casal Rodrigo Reckziegel e Adines Reckziegel é de Rio Grande do Sul e nasceu na mesma maternidade, em Estrela, no interior do Estado. O empreendedorismo se tornou, depois, outro ponto em comum: foi em Corguinho (MS) que eles transformaram a paixão por plantas em um produto turístico, atualmente acompanhado pelo Sebrae/MS.

Rodrigo e Adines se conheceram em 1995, mas só foram ficar juntos no ano de 2004. Em 2005, eles fundaram a Organização Não Governamental (ONG) Vida Amiga, que atuava com projetos de tecnologia social, na cidade de Lageado (RS). Durante o tempo que permaneceram com projeto, perceberam que a natureza poderia trazer diversas possibilidades.

A curiosidade pelos elementos naturais cresceu: ela começou a estudar paisagismo e ele se dedicou à produção de plantas. Em 2011, se mudaram para o sítio do pai de Adines e construíram um chalé sustentável, com garrafas pet, telhado vivo, tratamento de esgoto com plantas e jardim produtivo comestível.

Primeira fada azul encontrada pelo casal, em 2013, no sítio localizado no Recanto dos Pintados, em Corguinho (MS) — Foto: Divulgação

A paixão por flores surgiu em 2013, quando receberam um convite para gerenciar o sítio de um colega em Corguinho (MS). Com a oportunidade que surgia, o casal viu a possibilidade de aumentar sua produção de plantas. Rodrigo percebeu que na região havia um arbusto com flores azuis muito chamativo, e Adines se dedicou a pesquisar o que era aquela planta tão curiosa e, até então, desconhecida.

Sobre a Flor Fada Azul

O casal ficou encantado e surpreso com as propriedades da Clitória ternatea, conhecida popularmente como ‘Fada Azul’ - flor comestível que colore naturalmente alimentos e bebidas, e possui variadas aplicações culinárias. Durante um período, eles continuaram os estudos em casa e com o aumento da produção, conseguiram criar um estoque e fazer as primeiras vendas on-line. Perceberam que a planta não era só uma paixão, mas havia se tornado um negócio.

Aos poucos, iniciaram a importação do produto em pequena escala, testaram novas maneiras de utilização da planta, consolidaram a marca da empresa, “Flor Fada Azul” e puderam ver o sonho se tornando realidade. Atualmente, eles possuem o Paradouro Flor Fada Azul, localizado na região do Recanto dos Pintados, em Corguinho.

O casal construiu, aos poucos, a ideia de negócio. Rodrigo conta como cada um assumiu uma função diferente. “Trabalhávamos com paisagismo e produção de plantas. Nos encantamos com a fada azul, começamos a plantar, divulgar e estudar muito sobre ela e foram cada vez mais surpresas e encantos em relação ao seu uso, sua cor, seus nutrientes e sua ‘mágica’. Aos poucos, a procura pelas flores foi crescendo e entre 2018 e 2019 o que era uma paixão virou nosso principal negócio”, explica o empresário.

Em 2019, os empreendedores começaram a comercializar o pó da pétala da flor, o que fez com que eles ampliassem ainda mais o portfólio de produtos e implementassem novas ideias.

Casal transforma paixão por plantas em produto turístico — Foto: Divulgação

Os empresários destacam a importância da parceria na gestão da empresa. “O legal de sermos um casal é que temos um ao outro em todos os momentos do negócio. Sonhamos e projetamos juntos, é como se fosse mais um filho nosso, onde nos empolgamos a cada dia, e claro, também passamos por dificuldades, às vezes mais, às vezes menos, e acredito que tudo faz o relacionamento crescer e a empresa também”, diz.

“Um casal ter um negócio juntos fortalece a relação, fortalece o negócio, pois faz terem os mesmos objetivos, alinhar os sonhos. No nosso caso, um complementa o outro nas ideias e após chegarmos num consenso, partirmos para o planejamento ou ação. Comemoramos cada venda, cada conquista, cada criação, é o que gostamos de fazer, dá sentido à vida e nos empolga e dá força todo dia para sermos pessoas melhores e fazer algo que acreditamos e somar com o mundo que vivemos”, complementa Rodrigo.

Formatação de Produto Turístico

O casal participou da consultoria de Formatação de Produto Turístico, oferecido pelo Sebrae/MS, que tem como objetivo apoiar os empresários na formatação de produtos turísticos atraentes e com padrão comercial. A iniciativa é ofertada gratuitamente por meio do Pró Pantanal – Programa de Apoio à Recuperação Econômica do Bioma.

Durante a aplicação da consultoria, o empresário Rodrigo Reckziegel conta que participou de encontros on-line e presenciais, em outros municípios. “No primeiro encontro fui a Rio Verde de Mato Grosso (MS). Depois, as consultoras foram na nossa plantação fazer uma análise. Agora, temos reuniões mensais de consultoria individual até agosto, quando teremos um encontro com todos novamente em Rio Verde”, diz Rodrigo.

O programa é estruturado em quatro pilares: Arrumando a casa; Formatando produtos turísticos e aprimorando experiências; Inovando em negócios turísticos; Divulgando e vendendo negócios turísticos em ambiente físico e digital – essa última etapa se desdobra em consultorias on-line e presencial, oficinas e palestras.

A consultoria tem a finalidade de capacitar e inserir inovação nesse setor. Os participantes terão a oportunidade de se especializar em ofertar uma experiência diferenciada para turistas e aumentar sua atuação no trade turístico. A consultoria será realizada ao longo de cinco meses, com o diagnóstico para ações de curto, médio e longo prazo; formatação de produtos turísticos, uso da inovação na empresa e a divulgação em ambiente digital.

Para Rodrigo, o fortalecimento de parcerias é significativo para alcançar bons resultados. “Desde o tempo da ONG, já tínhamos contato com o Sebrae através de cursos e consultorias. Em 2022 voltamos a entrar em contato com o Sebrae como apoio para o fortalecimento e consolidação de nossos produtos, principalmente nosso projeto do Paradouro Flor Fada Azul, na MS 080, Recanto dos Pintados, Corguinho, onde teremos um local de turismo, plantação/produção, comércio e conhecimento”, comenta o empreendedor.

Ainda neste ano, a empresária revela que participou do Seminário Internacional – Inspira Ecoturismo, realizado pelo Sebrae em maio, em Bonito (MS). Adines conta como foi a experiência no evento.

“Gostei muito de participar do Inspira Ecoturismo. Trouxe muita informação de cases de sucesso e como fizeram e estão fazendo para superar as adversidades e promover a mudança local e regional através do ecoturismo, envolvendo as comunidades no entorno e criando produtos locais e com identidade própria de forma autêntica e muito promissora. De fato, muito inspirador”, explica a empresária.

E, agora, o casal segue com grandes planos para o futuro. “Estamos muito animados com as perspectivas da empresa. Nosso principal projeto no momento é o paradouro, que além de local de visitação da plantação, será nossa primeira loja física, uma vez que até hoje nossas vendas foram sempre focadas principalmente na internet via marketplaces e nossa loja online. A partir disso também começaremos a criar produtos com nossa marca própria: salgados, doces e bebidas com a flor fada azul”, comemora Rodrigo.

Sobre o Pró Pantanal

O Pró Pantanal – Programa de Apoio à Recuperação Econômica do Bioma Pantanal é uma iniciativa do Sebrae para fomentar atividades econômicas nos eixos do turismo, da economia criativa e do agronegócio existentes no Pantanal.

O programa ainda tem apoio da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Federação das Associações Empresariais de Mato Grosso do Sul (FAEMS), Instituto do Meio Ambiente de MS (Imasul) e Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro).

Para obter mais informações sobre o programa Pró Pantanal e suas ações, fale com o Sebrae pelo número 0800 570 0800.

G1MS

segunda-feira, 13 de junho de 2022

TENDA ENERGIA SOLAR

https://picasion.com/

SUPERMERCADO BOM PREÇO

https://picasion.com/

RESTAURANTE IZABEL

http://picasion.com/

RioverdeRV