CIDADES
INTERNACIONAL
domingo, 12 de janeiro de 2020
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Praias catarinenses já não atraem tanto os campo-grandenses, diz estudo

Por muito tempo, nesta época do ano, as praias de Santa Catarina foram uma extensão de Mato Grosso do Sul, mas como nada é para sempre, ano a ano essa realidade tem mudado com descobertas de novos destinos praianos. É o que revela uma pesquisa divulgada nesta quarta-feira, 01 de janeiro, pelo Ministério do Turismo.O estudo realizado em parceria com agências de viagens de Campo Grande mostra que os atrativos turísticos mais procurados pelos sul-mato-grossenses para este verão estão nos estados da Bahia, Ceará e Alagoas. Diz que os destinos baianos são os preferidos, e que 48,4% dos viajantes compraram pacotes para curtir sol e praia em família.

A mudança de rota vem acontecendo desde o início da década passada. Em 2014, a mesma pesquisa do Ministério do Turismo revelou que as praias de Santa Catarina e Paraná eram as preferidas, mas as buscas dos campo-grandenses por viagens para o Nordeste haviam crescido 20% entre 2011 e 2013.
O levantamento semestral, feito para identificar o comportamento do consumidor sob a perspectiva das agências e operadoras de turismo para os períodos de alta temporada, envolveu agências de viagens também de Goiás, Mato Grosso e Distrito Federal, e a constatação é de que o Nordeste é o principal destino dos viajantes do Centro-Oeste neste verão.
“Quando observamos por estado, os turistas goianos e sul-mato-grossenses preferiram os destinos baianos. Já os brasilienses preferem visitar atrativos cearenses. No Mato Grosso, os clientes dessas agências buscaram no estado de Alagoas o descanso no verão”, diz nota divulgada pelo Ministério do Turismo.
Praia de Jurerê Internacional, em Florianópolis, Santa Catarina (Foto: Fabiano Motta)Praia de Jurerê Internacional, em Florianópolis, Santa Catarina (Foto: Fabiano Motta)
Na perspectiva das empresas de turismo nordestinas, os turistas do Centro-Oeste irão impactar em relação ao desempenho, faturamento, demanda de serviços e geração de empregos de outubro de 2019 a março de 2020.Para 15,2% das empresas de turismo do Nordeste, a perspectiva é de que o número de empregados aumente, 55,3% acreditam que a demanda pelos serviços ofertados cresça no período, e 58,3% indicaram um cenário com perspectiva de aumento no faturamento.
“É cada vez mais notória a participação dos turistas da região Centro-Oeste no crescimento do turismo no país. Isso é um importante impulso para continuarmos trabalhando ainda mais para desenvolver o setor turístico nacional, gerando emprego e renda”, avaliou o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio.
CGNews
domingo, 12 de janeiro de 2020

BARRACA DO PINHEIRO

http://picasion.com/

ROTINA SAUDÁVEL

http://picasion.com/

RioverdeRV

twitter @rioverderv

VIDEOS RIOVERDEMS