CIDADES
INTERNACIONAL
segunda-feira, 29 de julho de 2019
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Santos supera o Avaí em casa e assume a liderança do Brasileirão


Se estava no retrovisor palmeirense pedindo passagem nas últimas rodadas, com o tropeço do rival no último sábado, um empolgado Santos não decepcionou sua torcida neste domingo. Jogando em casa, a equipe da Baixada Santista obteve uma vitória tranquila diante do lanterna Avaí por 3 a 1, na Vila Belmiro, e agarrou com unhas e dentes a oportunidade de ficar com a liderança isolada. 

O sexto triunfo seguido da equipe treinada por Jorge Sampaoli foi construído com gols de Carlos Sánchez, Delis González e Felipe Jonatan - João Paulo descontou para os visitantes. O resultado deixou os paulistas agora com 29 pontos, dois a mais que seu antecessor na ponta, que apenas empatou com o Vasco em 1 a 1, no sábado. Já o Avaí continua no último posto da tabela, em 20º, com apenas cinco pontos em 12 rodadas. 

Sedento pela liderança, o Santos começou a partida deste domingo bastante agressivo com boa parte dos espaços de seu campo de ataque ocupados. Logo aos oito minutos, o paraguaio Delis González encheu o pé para abrir o placar na Vila, após sobra da defesa catarinense em cobrança de falta de Carlos Sánchez.

Mesmo com o placar aberto, o time de Jorge Sampaoli ainda passou alguns minutos imprimindo a mesma pressão e perdeu mais duas boas oportunidades em sequência, uma com Sasha e outra com o zagueiro Betão quase marcando gol contra.

A partir da segunda metade da etapa inicial, porém, o Avaí começou a avançar suas linhas e mostrou maior poderio ofensivo. Até que aos 27, em jogada pela direita, Léo cruzou para Bruno Sávio, que fez o corta-luz para João Paulo, livre de marcação, acertar o canto direito de Éverson para igualar o placar do confronto.

A felicidade da equipe de Alberto Valentim, no entanto, só durou até os 32, quando uma linda jogada do venezuelano Soteldo bagunçou a defesa avaiana pelo lado esquerdo do ataque santista e encontrou Carlos Sánchez absolutamente desmarcado dentro da pequena área. O uruguaio apenas cumprimentou de cabeça para desempatar novamente a partida.

Na volta para o segundo tempo, embora sem a mesma intensidade santista demonstrada na primeira etapa, o Avaí continuou tímido nas intenções ofensivas, e o time da casa permaneceu tranquilo, sem acelerar o ritmo da partida. 

Percebendo que o jogo poderia descambar para um panorama perigoso, Sampaoli colocou Marinho no lugar de Soteldo, a pedido da torcida. O jogador que decidiu o duelo da semana anterior contra o Botafogo, no Rio, ajudou a equipe a recobrar a velocidade neste domingo, dando mais incisividade ao time da Baixada na parte final do jogo.

Com poucos minutos do atacante em campo, a equipe da casa teve logo duas chances preciosas. Uma com Sasha acertando a trave aos 23 e outra com o próprio Marinho, que obrigou Lucas Frigeri a fazer grande defesa depois de ser servido por Felipe Jonatan. 

Felipe, por sinal, foi outro atleta que saiu do banco de reservas de Sampaoli. O lateral-esquerdo foi enxertado pelo argentino na esquerda do ataque para aproveitar os espaços deixados naquele setor pela zaga catarinense e sacramentou o triunfo santista com uma pequena pintura. Aos 32 minutos, ele deu um lençol sobre Betão e na sequência bateu para o gol. O chute teve um leve desvio de Pedro Cardoso que acabou por encobrir Lucas Frigeri.

O goleiro do Avaí ainda evitaria que o placar se transformasse em goleada em bons lances de Carlos Sánchez e Marinho, mas o nono triunfo santista no Brasileirão, o sétimo em seus domínios, já estava confirmado e entregou aos comandados de Jorge Sampaoli a liderança.

Agora ostentando o primeiro lugar na tabela, o Santos volta a jogar em casa na próxima rodada, recebendo o Goiás no domingo, no horário das 11h. O Avaí, por sua vez, pega o Botafogo na Ressacada no mesmo dia, só que às 19h.

FICHA TÉCNICA:

SANTOS 3 x 1 AVAÍ

SANTOS - Everson; Victor Ferraz, Aguillar, Gustavo Henrique e Jorge; Alison (Felipe Jonatan), Diego Pituca e Carlos Sánchez; Derlis González (Jean Mota), Eduardo Sasha e Soteldo (Marinho). Técnico: Jorge Sampaoli.

AVAÍ - Lucas Frigeri; Léo, Betão, Marquinhos Silva e Igor Fernandes (Julinho); Pedro Cardoso, Richard Franco, Lourenço, João Paulo e Gustavo Ferrareis (Caio Paulista); Bruno Sávio (Gegê). Técnico: Alberto Valentim.

GOLS - Derlis González, aos 8, Carlos Sánchez, aos 33, e João Paulo, aos 27 minutos do primeiro tempo. Felipe Jonatan, aos 32 minutos do segundo tempo. 

CARTÕES AMARELOS - Alison e Uribe (Santos); Léo (Avaí).

ÁRBITRO - Wagner Reway (Fifa-PB). 

RENDA - R$ 461.520,00.

PÚBLICO - 12.787 pagantes.

LOCAL - Estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP).
segunda-feira, 29 de julho de 2019

LOJA QUEIMA TOTAL


http://picasion.com/

MERCEARIA NOVA CANAÃ

http://www.rioverdems.com/

RioverdeRV

twitter @rioverderv

BARRACA DO PINHEIRO



http://picasion.com/

MERCEARIA TUNTUN

http://picasion.com/