->
CIDADES
INTERNACIONAL
quarta-feira, 28 de março de 2018
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Em meio à crise, Facebook faz 'reforma' em controles de privacidade


O Facebook anunciou nesta quarta-feira, 28, uma grande "reforma" em seus controles de privacidade para acalmar os ânimos de usuários e investidores em meio à crise de confiança iniciada pelas revelações do uso ilícito de dados pela Cambridge Analytica. A equipe da rede social, que tem corrido contra o tempo para evitar a fuga de usuários, passou a última semana redesenhando os controles de privacidade para tornar mais fácil que as pessoas restrinjam as informações que compartilham no site. A rede social também aprimorou a forma como as pessoas podem verificar o que já publicaram no Facebook.
O anúncio acontece pouco mais de dez dias após a revelação de que dados pessoais de 50 milhões de usuários da rede social foram usados de forma ilícita pela empresa de inteligência Cambridge Analytica, numa tentativa de manipular os eleitores durante as eleições dos Estados Unidos em 2016. Desde que o escândalo começou, o Facebook já perdeu mais de US$ 95 bilhões em valor de mercado, tem sofrido processos judiciais de acionistas e usuários e sofrido grande pressão de órgãos reguladores e parlamentares nos Estados Unidos e Europa.
Em entrevista exclusiva ao Estado, o diretor global de privacidade do Facebook, Rob Sherman, afirmou que os anúncios são parte de um esforço do Facebook para ser mais transparente e educar os usuários da rede social sobre como o Facebook utiliza os dados que eles compartilham.
"Nossos anúncios de hoje são parte do nosso esforço, que está em andamento, para melhorar a forma como as pessoas gerenciam suas informações", afirma Sherman. "Nossa expectativa é de continuar investindo em privacidade ao longo de 2018 e o que estamos anunciando hoje são alguns dos primeiros passos que achamos importante tomar."
Configurações. O Facebook redesenhou totalmente o menu de configurações no aplicativo para celulares -- a empresa ainda não anunciou quando as mudanças passarão a valer para a versão web. Se antes os controles estavam espalhados por cerca de 20 páginas, agora, eles foram concentrados numa página só. A empresa também criou uma série de atalhos para acessar configurações de privacidade e segurança: nessa área, além das configurações, os usuários vão encontrar informações detalhadas sobre como cada controle funciona.
Atalhos vão permitir acesso a configurações de privacidade e segurança
"Nosso objetivo com os atalhos é educar os usuários sobre como as informações deles estão sendo usadas, ao mesmo tempo em que eles podem tomar atitudes para mudar isso, se quiserem", afirma Sherman.
A partir da página de atalhos de privacidade e segurança, as pessoas poderão verificar quais informações já compartilharam na rede social e, se quiserem, excluí-las; alterar quem pode ver as postagens publicadas na rede social, entre os níveis Público, Amigos de Amigos, Somente Amigos, Somente Eu; além de aumentar o nível de segurança da sua conta, por exemplo, ao adotar a autenticação de dois fatores (os controles de segurança tentam impedir que outras pessoas acessem sua conta sem autorização, mas não têm relação com a forma como o Facebook compartilha seus dados com terceiros, por meio de APIs.)
Download. Não é de hoje que o Facebook tem um link que permite aos usuários baixar todas as informações que eles já compartilharam na rede social desde que se cadastraram. Mas, como a reportagem do Estado já abordou no passado, essa opção era difícil de achar. Com a reforma, a equipe de Mark Zuckerberg criou uma nova área chamada "Acesse suas informações". Lá, será possível verificar, de forma categorizada, as postagens, as reações a postagens de amigos, termos de busca já utilizados na rede social, fotos e vídeos publicados, mensagens que já trocou por meio do Messenger, entre outras informações.
Nova página "Acesse suas informações" vai permitir verificar categorias de dados compartilhados na rede social
Nova página "Acesse suas informações" vai permitir verificar categorias de dados compartilhados na rede social
Segundo o Facebook, o usuário poderá excluir qualquer informações que queira por meio dessa nova página. Além disso, uma segunda página similar a essa vai permitir que o usuário baixe todas as suas informações em formato de arquivo, como já era possível antes, mas de forma categorizada. Assim, o usuário poderá baixar somente as fotos que já publicou ou somente as postagens, por exemplo.
Agora será possível baixar dados compartilhados com o Facebook em categorias
Termos de uso. A rede social deve anunciar, em breve, mudanças nos termos de uso da rede social que deixam mais claro como o Facebook usa as informações dos usuários. "Essas atualizações são relacionadas à transparência, não para ganhar novos direitos para coletar, usar ou compartilhar dados", afirmou a vice-presidente e chefe de privacidade do Facebook, Erin Egan, por meio de postagem no blog oficial.
quarta-feira, 28 de março de 2018

LOJA QUEIMA TOTAL


http://picasion.com/

MERCEARIA NOVA CANAÃ

http://www.rioverdems.com/

RioverdeRV

twitter @rioverderv

LOJA TÔ NA MODA

http://picasion.com/

BARRACA DO PINHEIRO



http://picasion.com/

MERCEARIA TUNTUN

http://picasion.com/