->
CIDADES
INTERNACIONAL
segunda-feira, 25 de abril de 2016
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Realização de um Sonho: Pacientes de Rio Verde passam por primeira sessão de hemodiálise em Coxim


Só as pessoas que se submetiam há pelo menos 03 viagens semanais a capital do Estado – Campo Grande para sessões de hemodiálise podem avaliar o significado da inauguração e ativação da Unidade de Terapia Renal Substitutiva , no Hospital Regional Álvaro Fontoura, na vizinha Coxim.
Em um passado não muito distante os pacientes faziam o trajeto de ônibus intermunicipal, porém na atual,  gestão do atual prefeito Mário Kruger,  o deslocamento passou a ser feito em um veiculo com mais conforto e  segurança. No ultimo dia 11 de abril, o prefeito de Rio Verde, Mário Kruger, participou junto com o governador Reinaldo Azambuja, da inauguração do setor de hemodiálise do Hospital Regional localizado em Coxim.
Neste dia  22 de abril, os pacientes  de Rio Verde, foram submetidos ao primeiro  tratamento dialítico. O procedimento foi acompanhado pelo médico nefrologista  responsável,  além de uma equipe devidamente treinada. 
A  rio-verdense,  Maria Teodósia Silva Marques,  já realizava este tipo de tratamento em Campo Grande, há mais de 05 anos. “Tinha que levantar 03 vezes por semana de madrugada para podermos viajar até Campo Grande e passarmos pelo tratamento. Era uma viagem muito cansativa e demorada, isso sem contar os imprevistos durante o caminho. Hoje nesse dia, fiquei muito feliz, pois a viajem é rápida e posso voltar pra minha Rio Verde, rever meus familiares e amigos, com muita tranquilidade” disse Dona Maria Teodósia.
Os pacientes de Rio Verde tinham que percorrer, 1200 Km a cada semana, numa viagem cansativa e se submeter a pelo menos 4 horas de tratamento na capital. Mas hoje graças a Caravana da Saúde, e a implantação pelo governo do estado  da Hemodiálise em Coxim, os nossos rio-verdenses que precisam do tratamento, tem a qualidade, a comodidade e a facilidade de realizar a diálise a poucos minutos de seu lar.
Para conhecimento - A hemodiálise é um procedimento que filtra o sangue. Através da hemodiálise são retiradas do sangue substâncias que quando em excesso trazem prejuízos ao corpo, como a uréia, potássio sódio e água. A hemodiálise é feita com a ajuda de um dialisador (capilar ou filtro). O dialisador é formado por um conjunto de pequenos tubos chamados "linhas". Durante a diálise, parte do sangue é retirada do corpo, passa através da linha em um lado, onde o sangue é filtrado e retorna ao paciente pela linha do lado oposto. Atualmente tem havido um grande progresso em relação a segurança e a eficácia das máquinas de diálise, tornando o tratamento bastante seguro. Existem alarmes que indicam qualquer alteração que ocorra no sistema (detectores de bolhas, alteração de temperatura e do fluxo do sangue, etc). Ao médico compete determinar a quantidade de hemodiálise que o paciente precisa, isso de acordo com o estado de atividade do corpo, da alimentação e da ingestão de líquidos. O objetivo do tratamento é que o paciente esteja sempre se sentindo bem, bem nutrido, livre de inchaços, com a pressão controlada e com os exames de sangue mostrando quantidade aceitável de potássio, uréia, etc.

De acordo com a Associação Brasileira dos Centros de Diálise e Transplante (ABCDT) transferência estadual por Sessão de HD II (procedimento HD II – máximo de três sessões por semana) é de R$ 179,03, ou seja, cada paciente por semana representa um repasse de R$ 537,09 por semana, R$ 2.148,36 por mês. Assim sendo, por ano cada paciente representa um investimento de R$ 27.780,32. Esses dados são de dezembro de 2015.
segunda-feira, 25 de abril de 2016

SUPERMERCADO PANTANAL

http://picasion.com/

RioverdeRV

LOJA QUEIMA TOTAL


http://picasion.com/

BARRACA DO PINHEIRO



http://picasion.com/

SUPERMERCADO PONTO CERTO

http://picasion.com/

MERCEARIA NOVA CANAÃ

http://www.rioverdems.com/

LOJA TÔ NA MODA

http://picasion.com/

MERCEARIA TUNTUN

http://picasion.com/