CIDADES
INTERNACIONAL
quarta-feira, 17 de agosto de 2022
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Suinocultura de MS vai receber investimento de R$ 1,5 bilhão até 2023

 


A suinocultura de Mato Grosso do Sul deve receber investimentos de mais de R$ 1,5 bilhão até 2023. O montante será para projetos que estão sendo implantados e em execução, nos municípios de Dourados e São Gabriel do Oeste.

O BRDE (Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul) liberou cerca de R$ 6,27 milhões em investimentos do FCO (Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste), para os projetos.

“Nossa previsão é de R$ 1,5 bilhões de investimentos até o próximo ano, com a expansão do abate em indústrias como a Aurora e a JBS através da Seara. E também temos atraído cooperativas do sul do País que são a Alfa, a Copérdia e ampliação da Cooasgo. Toda esta estrutura permite que MS tenha este aumento. Uma atividade sustentável com toda lógica de geração de energia e regramento de sustentabilidade”, enfatizou o titular da Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), Jaime Verruck.

A Seara, controlada pela JBS, já iniciou a ampliação para 10 mil cabeças por dia da capacidade de abate de suínos, na sua planta de Dourados. A empresa já obteve a licença ambiental para as obras, emitida pelo Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul).

O investimento previsto é de cerca de R$ 1,2 bilhão, com geração de 2,5 mil empregos diretos. Além de R$ 800 milhões para ampliar a capacidade de produção dos criadores de suínos, que terão de entregar mais cinco mil animais por dia na unidade industrial.

Atualmente, a indústria tem em torno de cinco mil funcionários, se tornando o maior empregador do município.

Outro projeto é da Aurora, em São Gabriel do Oeste, que está investindo cerca de R$ 500 milhões. Será ampliado o abate, saindo de 3,2 mil para 5,5 mil por dia, na fábrica. As obras devem iniciar em 2023 e a planta deve estar operando em 2025, com até 600 novas vagas de empregos.

“Nesta semana estivemos no Salão Internacional de Avicultura e Suinocultura (SIAVS) com um estande mostrando o potencial destas duas atividades em Mato Grosso do Sul. Saímos bastante animados com a garantia dos empreendimentos e a possibilidade de ampliação de projetos no setor”, completa Verruck.

Outros investimentos

A Cooperativa Agroindustrial Alfa, está instalando uma unidade de produção de leitões em Sidrolândia. A previsão é que 12 mil leitões sejam produzidos por ano no município, que passa a integrar a rota da suinocultura no Estado.

Com financiamento aprovado pelo FCO (Fundo Constitucional do Centro-Oeste), o volume total de recursos aplicados, será próximo de R$ 300 milhões. A cooperativa espera criar 350 empregos diretos com o projeto.

Já em Rio Negro, começou a operar em junho, a UPD (Unidade de Produção de Leitões Desmamados) da Fazenda Santo Antônio da Conquista. O empreendimento tem R$ 19 milhões de investimento, sendo que cerca de R$ 15 milhões foram financiados pelo FCO. O projeto utiliza alta tecnologia no trato com os animais.

O empresário responsável pelo empreendimento, Edson Cristofolini ressalta a importância da UPD para mudar o perfil econômico da cidade. “O empreendimento mudou a cidade com a geração de empregos, e vimos uma melhora até mesmo no comércio com a chegada dos salários”, destacou o empresário.

A UPD de Rio Negro tem capacidade para até 4 mil matrizes. A área total da edificação é de 1,6 hectare

quarta-feira, 17 de agosto de 2022

OK NET RIO VERDE

http://oknetms.com.br/

SUPERMERCADO BOM PREÇO

https://picasion.com/

RESTAURANTE IZABEL

http://picasion.com/

RioverdeRV