CIDADES
INTERNACIONAL
sexta-feira, 5 de novembro de 2021
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

MDB promete lançar pré-candidatura de Simone Tebet a presidência neste mês

 


A cúpula do MDB quer lançar a senadora Simone Tebet (MS) como pré-candidata à presidência da República ainda neste mês de novembro. A senadora afirmou durante entrevista ao programa Papo Reto do TopMídiaNews, na semana passada, que vai dar resposta final ao partido dentro de dez dias, ou seja, antes do dia 10 de novembro.

Pela movimentação do MDB, tudo leva a crer que a resposta de Tebet será positiva. A favor da construção forte de um nome para a terceira via, a parlamentar discute a possibilidade com a sigla há meses. Porém, argumentou com o presidente nacional, deputado federal Baleia Rossi (MDB-SP), que precisava terminar os trabalhos da CPI da Pandemia.

Essa condição, que Simone impôs deu uma espécie de fôlego a sua imagem e projeção maior a nível nacional. Apesar de a senadora, vir dizendo que tem preferência para disputar o Senado em 2022, ela sabe que a atuação na CPI reforçou a carta-branca de alguns líderes do MDB para pré-candidatura na disputa com Jair Bolsonaro. 

A data para anunciar Simone Teber não foi divulgada pelo partido, mesmo porque, tudo ainda depende da resposta final dela.

Há uma semana, a senadora destacou que trabalha de maneira racional para firmar planos futuros, e isso inclui pesquisas diversas e projeções para diversos cargos nas eleições 2022. 

Baleia Rossi afirmou ao Estadão, que confia no aceite de Simone. “Vamos oficializar, sim. Simone tinha pedido para aguardar o final da CPI apenas para não confundir os temas. A ideia amadureceu muito dentro do partido. Já existe hoje um apoio muito grande para o lançamento da pré-candidatura."

Divisão no MDB

A divisão no MDB sobre a candidatura própria também existe, e isso pode ser uma pedra no sapato da senadora. O MDB tem desde apoiadores de Bolsonaro, a simpatizantes de Lula.

Entre os que apoiam abertamente o presidente Jair Bolsonaro, e querem sua reeleição estão: o senador Eduardo Gomes (TO), e senador Fernando Bezerra  Entre os aliados de Lula estão senadores como Renan Calheiros (AL) e Jader Barbalho (PA), além do ex-presidente do Senado Eunício Oliveira (CE).

Forte concorrente

Agora, se Simone desistir de pleitear a presidência e disputar a única vaga no Senado, terá a ministra da Agricultura, Tereza Cristina como oponente. A guerra nas urnas será difícil para Tebet, já que Tereza tem grande apoio do agro e conservadores de Mato Grosso do Sul. 

Como no mundo político tudo pode acontecer, resta aguardar mais alguns dias e observar a estratégia final de Simone e do MDB. Nas duas disputas, ela pode perder e ficar sem mandato nos próximos anos.

TopMídiaNews

sexta-feira, 5 de novembro de 2021

Adsense

SUPERMERCADO BOM PREÇO

https://picasion.com/

RESTAURANTE IZABEL

http://picasion.com/

BARRACA DO PINHEIRO

http://picasion.com/

RioverdeRV

twitter @rioverderv