CIDADES
INTERNACIONAL
quarta-feira, 3 de março de 2021
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Brasil registra pelo 4º dia seguido recorde na média móvel de mortos pela pandemia

 




O Brasil registrou mais um recorde de mortos na pandemia. É a maior média de óbitos pelo quarto dia. Os números são atualizados pelo consórcio de veículos da imprensa.

O Brasil tem nesta terça-feira (2) média de 1.274 mortes por dia, 23% a mais do que duas semanas atrás. É o momento mais crítico de toda a pandemia.

O país chegou a essa média depois de registrar outro recorde: 1.726 mortes nas últimas 24 horas. São agora 257.562 vítimas da Covid.

De segunda (1°) para terça (2): 58.237 novos casos foram registrados. O total é de 10.647.845.

Em média, são 55.318 novos casos por dia, 22% a mais do que 14 dias atrás. Ou seja, a tendência é de alta nos casos e também nos óbitos.

São Paulo também bateu recorde de mortes nesta terça (2): foram 468 nas últimas 24 horas. O estado mais populoso do país ultrapassa agora a marca das 60 mil mortes por Covid: já são 60.014.

Em média, são 259 mortes por dia em São Paulo, alta de 18% em relação a duas semanas atrás - um patamar altíssimo para o estado.

Situação muito preocupante também no Sul do país, que registra os maiores aumentos na média de mortes. No Rio Grande do Sul, a média sobe há cinco dias. Na segunda (1°) e terça (2), este índice mais do que dobrou. Alta nesta terça (2) de 133%. Em média, são 103 mortes por dia.

Em Santa Catarina, a média mais do que dobra há três dias. Alta nesta terça (2) de 170% - 69 mortes por dia, em média.

No panorama nacional, nesta terça (29), são 15 estados e o Distrito Federal com alta na média de mortes, em vermelho. Em estabilidade, aparecem 8 estados, em amarelo. Com queda na média de mortes, em azul, são 3 estados. Roraima e Amazonas registraram as maiores reduções.

Esses números reforçam a necessidade de as pessoas se protegerem. Nos grupos prioritários, uma forma de proteção é a vacinação. A primeira dose foi aplicada, até esta terça (2), em 7.106.147 pessoas. Nesta segunda (1°), eram 6.770.596 vacinados.

O total de vacinados com a primeira dose corresponde a 3,36% da população brasileira. Já a segunda dose foi aplicada em 2.166.982 pessoas, o que representa 1,02% da população.

Sobre o andamento da vacinação pelo país, nesta terça (2), 19 estados e o Distrito Federal atualizaram os dados. Quanto mais escuro o azul no mapa, maior o percentual de pessoas vacinadas em relação à população.

Os cinco que mais aplicaram a primeira dose até agora foram: Amazonas; Distrito Federal; Roraima; São Paulo; e Rio Grande do Sul.

Se você é do grupo prioritário, confira se tem dose disponível na sua cidade e contribua para o país superar essa pandemia. O Brasil precisa de mais vacina, sim.

Os dados do seu estado e outras informações sobre a vacinação estão em g1.com.br/coronavírus.

quarta-feira, 3 de março de 2021

Adsense

Paulinha

http://picasion.com/

RESTAURANTE IZABEL

http://picasion.com/

BARRACA DO PINHEIRO

http://picasion.com/

RioverdeRV

twitter @rioverderv