CIDADES
INTERNACIONAL
quarta-feira, 2 de setembro de 2020
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Acusada de matar vizinha no Taquarussu não tinha passagens pela polícia

 



Bruna Fernanda Cardena de Magalhães, 23 anos, apontada como autora na morte de Sandra Aparecida de Souza Mendes, 51 anos, não tem antecedentes criminais. De acordo com o Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul, a jovem não teria passagens pela polícia.

Ela foi presa pela Guarda Civil Metropolitana, na madrugada desta quarta-feira (2), após matar a vizinha com golpes de faca, durante uma discussão em uma vila de quitinetes localizada na Rua Brigadeiro Tobias, no bairro Taquarussu, em Campo Grande.

Segundo o Boletim de Ocorrência, testemunhas relataram que as duas são moradoras do local e teriam iniciado uma discussão. Ambas estavam armadas com faca e começaram a se golpear.

O Samu (Serviço de Atendimento Médico de Urgência) foi acionado, mas Sandra não resistiu aos ferimentos e morreu. Bruna foi levada para uma unidade de saúde. Câmeras registraram o ocorrido e as imagens serão entregues para a polícia.

Uma equipe da Guarda Civil Metropolitana realizava fiscalização do Toque de Recolher na região e se deparou com o ocorrido. Os agentes isolaram o local até a chegada da perícia e prenderam a suspeita.

 O caso foi registrado como homicídio simples na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Cepol.

Topmidianews

quarta-feira, 2 de setembro de 2020

Adsense

Paulinha

http://picasion.com/

RESTAURANTE IZABEL

http://picasion.com/

BARRACA DO PINHEIRO

http://picasion.com/

FIQUE EM CASA

http://picasion.com/

RioverdeRV

twitter @rioverderv