CIDADES
INTERNACIONAL
quarta-feira, 25 de março de 2020
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

São Gabriel do Oeste já é o segundo no Estado em notificações de casos de dengue


Os números de casos notificados de dengue em São Gabriel do Oeste não param de aumentar, e segundo a Secretaria de Estado de Saúde, o município já é o segundo no ranking de incidência da doença, com 1.242 casos notificados em 2020.
Mesmo durante este período de quarentena, como medida preventiva contra o novo coronavírus, os casos confirmados de dengue continuam subindo em Mato Grosso do Sul. Conforme o boletim epidemiológico divulgado pela SES nesta quarta-feira (25), aumentou para 19 mortes causadas pela dengue no Estado.
Segundo divulgação da SES, a morte confirmada é de um homem de 42 anos, morador de Corumbá, com histórico de hipertensão. O início dos sintomas na vítima começaram no dia 14 deste mês, e a morte aconteceu no dia 19.
O Estado já registra 13.621 casos confirmados da doença, Campo Grande lidera o ranking de municípios com mais casos confirmados, com 5.163 mil, contabilizando quatro mortes, Corumbá (3), Sete Quedas (1), Cassilândia (1), Pedro Gomes (1), Nova Andradina (1), São Gabriel do Oeste (1), Caarapó (1), Bodoquena (1), Chapadão do Sul (1), Mundo Novo (1), Dourados (1) e Aquidauana (1).A principal ação que a população tem é se informar, conscientizar e evitar água parada em qualquer local em que ela possa se acumular, em qualquer época do ano. Além do Aedes Aegypti transmitir a Dengue hoje o mosquito tornou-se um dos maiores inimigos da saúde pública por transmitir também o vírus Zika e a Febre do Chikungunya, e as ações de controle do vetor são imprescindíveis.
Para auxiliar as equipes de vetores, a Prefeitura reforça que medidas simples podem fazer a diferença no combate ao mosquito, especialmente durante o período de chuvas. Dentre elas vale citar: manter os quintais limpos (para evitar recipientes que acumulam água e podem se tornar criadouros); vedar as caixas d’água; proteger recipientes que acumulam água das chuvas; emborcar garrafas, latas, pneus e outros objetos que possam acumular água; colocar o lixo em sacos plásticos e manter a lixeira bem fechada; cobrir os pratinhos de plantas com areia e/ou lavá-los com lavado com escova, água e sabão uma vez por semana; utilizar repelente (que auxilia na proteção contra picadas); entre outras.
A Prefeitura de São Gabriel do Oeste também pede que os cidadãos recebam o agente de saúde e sigam suas orientações.
iDEST
quarta-feira, 25 de março de 2020

Adsense

Paulinha

http://picasion.com/

RESTAURANTE IZABEL

http://picasion.com/

BARRACA DO PINHEIRO

http://picasion.com/

FIQUE EM CASA

http://picasion.com/

RioverdeRV

twitter @rioverderv