CIDADES
INTERNACIONAL
segunda-feira, 15 de abril de 2019
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Rússia confirma reunião entre Putin e Kim Jong-un


O Kremlin confirmou nesta segunda-feira, 15, que prepara uma reunião de cúpula entre o presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o ditador norte-coreano Kim Jong-un, mas não antecipou as datas do encontro.
“Posso confirmar que a reunião está sendo preparada. Na realidade, há tempo estamos conversando”, disse o porta-voz da Presidência russa, Dmitri Peskov.
Segundo a agência sul-coreana Yonhap, Kim poderia se reunir com Vladimir Putin na próxima semana se o presidente russo viajar para o Extremo Oriente da Rússia, região que faz fronteira com o território norte-coreano.
Peskov indicou que informará à imprensa “apenas quando houver total clareza sobre a data e o lugar da reunião”. Esta seria a primeira reunião entre Putin e Kim.Putin participará do fórum sobre a Nova Rota da Seda que será realizado em Pequim entre 26 e 27 de abril. Não está descartado que o líder russo se reúna com Kim na ida ou na volta de sua viagem à China.  Nas últimas semanas, aumentaram os contatos entre Moscou e Pyongyang. Muitos veículos de imprensa interpretam a aproximação como um sinal claro de que a cúpula entre Putin e Kim deve acontecer em breve.  O porto russo de Vladivostok, próximo da fronteira com a Coreia do Norte, é considerado o lugar mais provável para a reunião dos dois líderes.  Outros encontros O presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, disse nesta segunda que “se empenhará” pela realização de outra reunião com Kim Jong-un, apesar das críticas recentes do ditador da Coreia do Norte ao papel autoproclamado de Seul de mediadora das conversas nucleares.  Moon está determinado a recuperar o ímpeto nas conversas com Kim desde que a segunda cúpula do norte-coreano com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, no Vietnã, em fevereiro, fracassou devido a exigências conflitantes – de Pyongyang por um alívio das sanções, e de Washington por medidas norte-coreanas abrangentes para abandonar seu programa nuclear.  Na sexta-feira 12, Kim disse em um discurso que está disposto a realizar outra cúpula com Trump se os Estados Unidos mudarem seu cálculo e oferecerem uma “atitude e metodologia apropriadas”, estabelecendo um prazo até o final do ano.  Enquanto Pyongyang e Washington vêm debatendo a desnuclearização norte-coreana, Seul, aliada de Washington, vem tomando medidas para melhorar seus laços com sua antiga rival.  Moon e Kim tiveram três reuniões ao longo do último ano, e o governo sul-coreano vem pleiteando uma quarta, possivelmente para marcar o aniversário da primeira em 27 de abril.  Moon, que visitou Washington para se encontrar com Trump na semana passada, disse que o último discurso de Kim “preparou o cenário” de uma quarta cúpula intercoreana, que pode ser “um passo para uma oportunidade ainda maior e um desfecho mais significativo”.  “Agora é a hora de começar os preparativos com empenho”, disse Moon em uma reunião com secretários de alto escalão, observando que, assim que os norte-coreanos estiverem prontos, está disposto a se reunir com Kim “independentemente do local e da forma”.  (Com EFE e Reuters)
segunda-feira, 15 de abril de 2019

LOJA QUEIMA TOTAL


http://picasion.com/

MERCEARIA NOVA CANAÃ

http://www.rioverdems.com/

RioverdeRV

twitter @rioverderv

BARRACA DO PINHEIRO



http://picasion.com/

MERCEARIA TUNTUN

http://picasion.com/