->
CIDADES
INTERNACIONAL
sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Queda de edifício em Teerã expõe disputa pelo poder no Irã


Enquanto os serviços de resgate procuravam pessoas presas nos escombros do edifício comercial Plasco, que desabou há duas semanas no centro de Teerã, o prefeito da capital iraniana enfrentava uma tempestade de críticas.
A tragédia, em que morreram 16 bombeiros, chocou iranianos de todos os setores da sociedade. Mas partidários das facções reformistas foram especialmente veementes, acusando o prefeito de Teerã, Mohammad Baqer Qalibaf, de má gestão e pedindo sua renúncia. Agora representantes da linha dura do regime acham que os críticos do prefeito foram motivados por considerações ligadas à próxima eleição presidencial. Nas eleições de 2013, o prefeito ficou em segundo lugar, perdendo para o presidente centrista Hassan Rouhani. E especula-se que ele possa voltar a enfrentar Rouhani na eleição presidencial de maio, como candidato da linha dura.
Qalibaf disse ao Parlamento esta semana que as críticas a ele fazem parte de "sabotagem politicamente motivada", segundo a mídia iraniana.
"Por meio das mídias sociais e de seus jornais, os reformistas vêm exercendo papel central na mobilização da opinião pública contra Qalibaf", diz Hamid-Reza Taraghi, um político próximo da linha dura. "Eles enxergaram o desabamento do Plasco como nova oportunidade de sabotar Qalibaf e impedi-lo de participar da corrida presidencial."
Quando jornais reformistas criticaram a prefeitura de Teerã –e, por extensão, o prefeito– devido ao desastre do Plasco, veículos de mídia ligados à linha dura buscaram rebater as críticas, divulgando um vídeo em que o prefeito era visto, dois anos atrás, avisando sobre o estado "pavoroso" em que o edifício se encontrava. Também divulgaram que, se Qalibaf tivesse fechado o comércio no centro da cidade, teria sido acusado de cometer um ato politicamente motivado contra Rouhani, na medida em que o governo se esforça para combater o desemprego.
Os ataques e contra-ataques revelam o acirramento nesta fase pré-eleitoral da disputa de poder entre os reformistas que apoiam Rouhani e a linha dura que quer tirá-lo do poder.
sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

SUPERMERCADO PANTANAL

http://picasion.com/

RioverdeRV

LOJA QUEIMA TOTAL


http://picasion.com/

BARRACA DO PINHEIRO



http://picasion.com/

SUPERMERCADO PONTO CERTO

http://picasion.com/

MERCEARIA NOVA CANAÃ

http://www.rioverdems.com/

LOJA TÔ NA MODA

http://picasion.com/

MERCEARIA TUNTUN

http://picasion.com/