->
CIDADES
INTERNACIONAL
domingo, 24 de julho de 2016
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Vídeo: Polícia atira em homem desarmado que cuidava de autista nos EUA


Um homem negro foi baleado pela polícia da Flórida, nos Estados Unidos, quando tentava acalmar seu paciente autista, apesar de estar “com as mãos para o alto e claramente desarmado”, comentou a vítima. O caso aconteceu no início da semana e, na quarta-feira, vídeos do episódio começaram a aparecer nas redes sociais.
De acordo com a polícia de Miami, o incidente aconteceu quando oficiais responderam a uma denúncia sobre um homem armado, que estaria ameaçando se matar. Charles Kinsey, terapeuta ocupacional de 47 anos, explicou que, na verdade, o “suspeito” era seu paciente autista que havia escapado de uma clínica nas proximidades durante um surto. Segundo a emissora local WSVN-TV, Kinsey estava na rua tentando acalmar o paciente e a suposta arma era um caminhão de brinquedo que ele carregava.
Em um vídeo gravado por uma testemunha, o terapeuta é visto deitado no chão com as mãos para o alto. “Ele só tem um caminhão de brinquedo nas mãos!”, diz Kinsey à polícia. “Eu sou seu terapeuta em uma clínica”, explica. Nas imagens, é possível ver o paciente se negando a deitar no chão como os agentes mandam, apesar de o terapeuta incentivá-lo a seguir as ordens.
Depois de uma longa pausa no vídeo, as imagens mostram Kinsey já baleado. Segundo o chefe de polícia Neal Cuevas, um dos agentes deu três tiros e um deles atingiu a perna do terapeuta. As autoridades não deram mais detalhes sobre o caso, nem sobre o que motivou o oficial a atirar. De acordo com Cuevas, o policial está afastado enquanto o incidente é investigado.
Em entrevista para a WSVN-TV, no hospital, Kinsey disse que estava mais preocupado com o paciente do que com que ele mesmo. “Enquanto eu estivesse com as mãos para o alto, eles não iam atirar em mim. Era o que eu estava pensando. Mas eu estava errado”, relatou. Segundo o terapeuta, o momento mais impressionante veio em seguida: mesmo sangrando, a polícia o algemou e o fez esperar pelos médicos no asfalto.
O caso é mais um incidente envolvendo violência policial contra negros nos Estados Unidos que toma grandes proporções nas redes sociais. Protestos em resposta a duas mortes, que tiveram imagens publicadas no Facebook, tomaram o país nas últimas semanas. A tensão aumentou quando cinco policiais foram mortos, em Dallas, durante uma das manifestações.

domingo, 24 de julho de 2016

SUPERMERCADO PANTANAL

http://picasion.com/

RioverdeRV

LOJA QUEIMA TOTAL


http://picasion.com/

BARRACA DO PINHEIRO



http://picasion.com/

SUPERMERCADO PONTO CERTO

http://picasion.com/

MERCEARIA NOVA CANAÃ

http://www.rioverdems.com/

LOJA TÔ NA MODA

http://picasion.com/

MERCEARIA TUNTUN

http://picasion.com/