->
CIDADES
INTERNACIONAL
sábado, 4 de junho de 2016
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Deputada federal aceita convite de Temer e pode 'abrir mão' de Campo Grande


O PSB, partido presidido em Mato Grosso do Sul pela deputada federal Tereza Cristina, vem há dias em negociação de parceria junto ao PMDB, para que entre eles saia apenas um pré-candidato a prefeito de Campo Grande. A novidade é que ela aceitou ser a vice-líder do governo na Câmara Federal. Em função disto, segundo ela, tem mais um motivo para ficar em Brasília. Ao mesmo tempo, ela não descarta a possibilidade de se concorrer ao pleito.

Na noite dessa sexta-feira (3), representantes das duas siglas se reuniram, até então para definirem esta questão, mas a decisão ficou para o próximo dia 17. O PMDB já anunciou que o candidato da legenda é o deputado estadual Marcio Fernandes e o PSB tem a parlamentar Tereza Cristina. Como ambos tem o mesmo objetivo, o intuito é de se unirem e apenas um concorrer, mas com os dois caminhando juntos.
Segundo a deputada federal, ainda é muito cedo para 'bater o martelo'. “Eu não gosto de colocar prazo, até por que ainda temos tempo. De qualquer forma, estou conversando com meu partido e analisando todas as questões que envolvem essa decisão. O fato de me tornar vice-líder do presidente da República não acho que vai interferir nesta decisão, mas é um motivador pra eu ficar em Brasília. Paralelo a isso, tenho um responsabilidade com meu Mato Grosso do Sul e com minia Campo Grande”.
Ainda segundo ela, ao ser questionada se ela poderia ser vice de Fernandes em Campo Grande, a parlamentar diz ser difícil. “Eu não acho difícil essa possibilidade, mas enfim, ainda estamos conversando com o PMDB. O Marcio é um bom nome, está com muita vontade de concorrer, mas ainda estou conversando com eles e com meu partido. Imagino que em breve iremos definir. Estou recebendo muito apelo para sair candidata”.
Já o presidente regional do PMDB, deputado estadual Junior Mochi, para eles há grande possibilidade de Tereza ser vice de Marcio e vice-versa. “Para nós sem duvida tem essa chance, mas não está nada definido até o momento. Isto é o nosso pedido. Nos reunimos ontem e ficou certo a parceria partidária, mas do nome ainda não. A Tereza está definindo se ela sai ou não. O nosso objetivo é que se um sair o outro não saia e ambos se apoiem, mas vamos aguardar as próximas resoluções”.
Esta união entre os partidos foi denominada de um pré-acordo há meses atrás. Nele incluía também o PR e depois o PT do B. Neste encontro de ontem, segundo Mochi, o PR não compareceu, mas não sabia o motivo e iria averiguar. Já o PT do B, também segundo o presidente, disse ao deputado Marcio Fernandes, que era desta sigla antes de se filiar ao PMDB, que estaria junto mas não esteve na reunião. Por enquanto, de acordo com Mochi, está fechado entre PMDB e PSB.
O PR já anunciou anteriormente que o pré-candidato deles é o presidente da Fiems (Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso do Sul), o empresário Sérgio Longen. Segundo o representante da legenda na Capital, o deputado estadual Paulo Correa, eles não iriam abrir mão de lançar Longen, a reportagem tentou falar com Correa, mas as ligações não foram atendidas.
Midiamaxnews
sábado, 4 de junho de 2016

SUPERMERCADO PANTANAL

http://picasion.com/

RioverdeRV

LOJA QUEIMA TOTAL


http://picasion.com/

BARRACA DO PINHEIRO



http://picasion.com/

SUPERMERCADO PONTO CERTO

http://picasion.com/

MERCEARIA NOVA CANAÃ

http://www.rioverdems.com/

LOJA TÔ NA MODA

http://picasion.com/

MERCEARIA TUNTUN

http://picasion.com/