CIDADES
INTERNACIONAL
domingo, 1 de outubro de 2023
RIOVERDEMS | Por PORTAL RIOVERDE NOTICIAS

Cruzou pista e explodiu: avião soviético leva bombas e até 40 toneladas.

 


Vídeo e fotos do avião soviético Ilyushin Il-76 explodindo no Mali após ultrapassar limites da pista de pouso repercutiram nas redes sociais. A explosão ocorreu no último sábado (23). O avião é usado para transporte estratégico.


Planejado em meados da década de 1960, o Ilyushin Il-76 é um avião de transporte estratégico considerado multiuso. Tem quatro motores turbofan e pode atingir uma velocidade de 850 km/h, segundo informações registradas na enciclopédia Brittanica. Hoje, com o fim da União Soviética, essas aeronaves são operadas por vários países, inclusive a China. É um avião frequentemente usado para entregar maquinário pesado em áreas muito remotas. Tem capacidade para transportar cerca de 40 toneladas.

A aeronave já tinha sido vista em regiões africanas, coincidindo com a presença de forças paramilitares como o Grupo Wagner.

Os aviões foram construídos em Tashkent, no Uzbequistão. Cerca de 860 foram construídos entre o início dos anos 1970 e o final dos anos 1990, quando a produção foi interrompida, segundo o site especializado FlightRadar24.

Mais tarde ele passou por modernização com motores mais silenciosos para se adequar aos requisitos europeus de ruídos.

Sua versão mais recente, de 2012, tem 46,6 metros de comprimento, 50,5 metros de envergadura, e a altura do solo é de 14,42 metros, segundo dados da empresa russa United Aircraft Corporation, criada por Putin em 2005 e que controla a Ilyushin.

A maioria dos modelos aeronave está equipada com dois canhões de cano duplo GSh-23, informa o site Military Today. A aeronave também tem espaço suficiente para abrigar e suspender bombas de queda livre.

O que aconteceu

A aeronave pegou fogo enquanto pousava em uma pista da cidade de Gao, no Mali (África Ocidental).

Especula-se que a aeronave estaria ligada ao Grupo Wagner, exército privado de mercenários da Rússia que também tem forças ativas na África, de acordo com o site da revista americana NewsWeek.

No entanto, fontes próximas ao Wagner negam que o grupo estivesse no voo. Até agora não foi informado o número de vítimas.

O número da cauda do avião de transporte EW-412TH mostra que ele é de propriedade da companhia aérea de carga Ruby Star Airways, que está sediada em Minsk, na Bielorrússia, país aliado de Putin, informou o Daily Star. Também especula-se se o avião seria do exército do Mali. 

Acidente no Mali ocorre um mês após o líder do grupo de mercenários russos Wagner, Yevgeny Prigozhin, morrer em uma queda de avião na região de Tver, na Rússia, distante cerca de 180 km de Moscou.

UOL

domingo, 1 de outubro de 2023

OK NET

https://www.facebook.com/oknet.rv

OK NET RIO VERDE

http://oknetms.com.br/

SUPERMERCADO BOM PREÇO

https://picasion.com/

RESTAURANTE IZABEL

http://picasion.com/